Roupas para enfermagem: o que você deve saber para não errar

Roupas para enfermagem: o que você deve saber para não errar

Conhecer mais sobre as roupas para enfermagem e cuidadores é essencial para quem atua ou pretende atuar na profissão, tendo em vista que elas influenciam diretamente na imagem do profissional. O vestuário, além de transmitir confiança ao paciente que vai receber atendimento, também é considerado um Equipamento de Proteção Individual (EPI).

Quer entender melhor quais são as roupas mais adequadas e os cuidados indispensáveis ao profissional da área? Então continue lendo este conteúdo!

Quais são as roupas mais indicadas e adequadas para os profissionais da enfermagem e cuidadores?

O jaleco branco é considerado o uniforme dos profissionais da enfermagem e cuidadores, já que pode ser visto como um símbolo de respeito, além de estar diretamente ligado à ideia de higiene e limpeza.

A Organização Mundial de Saúde (OMS) classifica o jaleco como um Equipamento de Proteção Individual (EPI) e indica sua utilização como forma de proteger o trabalhador contra acidentes e diminuir as possibilidades de transmissão de germes e/ou bactérias.

Por esse motivo, é muito importante obedecer às normas sobre os uniformes estabelecidos pela empresa, mantendo as roupas para enfermagem sempre passadas, limpas e sem manchas. O recomendável é que o uniforme seja confortável e bem alinhado. Se for possível, prefira os modelos de tecidos mais sofisticados, que tenham um melhor caimento e que não marquem tanto o corpo.

Quanto aos calçados, a dica é: fuja de usar sapatos de salto fino, sandálias ou abertos, mesmo que a função seja administrativa ou gerencial.Se sua função permite o uso de um calçado com salto, o mais adequado é utilizar um sapato de salto grosso que seja baixo ou médio, além de serem sempre fechados conforme o que estipula a Norma Regulamentadora 32 (NR32). 

Quais são os outros cuidados indispensáveis sobre a aparência do profissional?

Existem outros cuidados que devem ser sempre observados pelo profissional da área da enfermagem ou cuidador. São eles:

  • roupas com decotes, transparentes, justas e curtas no horário de trabalho devem ser evitadas;
  • blusas de alças finas não devem ser usadas;
  • vestidos, saias, bermudas e shorts não são permitidos;
  • os cabelos das mulheres devem estar sempre bem penteados e presos. No caso dos homens, é necessário que a barba esteja feita e os cabelos cortados;
  • as unhas devem estar curtas, limpas e com esmalte claro, no caso das mulheres;
  • a maquiagem deve ser suave, sendo preciso evitar o uso de batons com cores fortes e sombras coloridas.

É importante saber que os profissionais não podem deixar o local de trabalho vestidos com os jalecos ou aventais usados em suas atividades laborais. Por ser considerado também um meio de transmissão de patógenos. 

Agora que você entende melhor sobre as roupas para enfermagem, é necessário saber que devido aos muitos riscos existentes na rotina dessa área, a NR32 criou algumas regras para proteger e garantir a saúde e segurança dos trabalhadores

Por exemplo, dentro do posto de trabalho é proibido o uso de acessórios de qualquer tamanho, já que esses itens podem ser puxados por um paciente mais agitado, além de ser um meio de propagação de micro-organismos que geram a infecção, fundamentando a importância de respeitar essa norma.

Cuidar bem do vestuário e saber quais são as roupas para enfermagem mais adequadas é essencial para quem trabalha na área a saúde. Obedecer as normas da OMS e Ministério do Trabalho e entender a vestimenta como um EPI que evita acidentes no local de trabalho.

Gostou deste post? Então, deixe seu comentário aqui e compartilhe com a gente a sua opinião e experiência sobre o assunto.

Comentários

Posts Relacionados

dicas de como escolher a melhor escola de enfermagem
terça-feira, 10 Dezembro, 2019 - 08:34
Por Laura Pita