Quais são as funções do técnico em enfermagem? Confira aqui!

Quais são as funções do técnico em enfermagem?

Entre as principais funções do técnico em enfermagem está o atendimento aos pacientes da unidade hospitalar, sendo ele um profissional imprescindível à assistência, prevenção de complicações e recuperação da pessoa necessitada, considerando sempre a segurança e a humanização.

É uma atividade que vem ganhando cada vez mais espaço, graças às inúmeras possibilidades de atuação, por exemplo, hospitais, clínicas, abrigos, creches, casas de repouso, laboratórios de análises clínicas e unidades de diagnóstico, consultórios médicos, abrigo, redes ambulatoriais, home care, entre outros.

Pensando na sua importância e no crescimento de oportunidades para os profissionais que buscam a inserção no mercado de trabalho, elaboramos este post para explicar um pouco mais sobre essa profissão tão necessária, que é a de técnico em enfermagem. Acompanhe!

Qual é a diferença entre enfermeiro, técnico em enfermagem e auxiliar de enfermagem?

Existem três alternativas para quem pretende trabalhar na área da enfermagem. É muito importante que você entenda cada uma delas para evitar qualquer tipo de dúvida. Veja a seguir:

  • enfermeiro: trata-se do profissional com graduação em enfermagem, curso superior que geralmente tem a duração de cinco anos;
  • técnico em enfermagem: é o profissional formado em um curso técnico, cuja duração aproximada é de dois anos e exige a formação no ensino médio completo;
  • auxiliar de enfermagem: é o profissional que fez o curso de auxiliar de enfermagem, que exige, no mínimo, a conclusão do ensino fundamental.

Quais são as funções do técnico em enfermagem?

O técnico em enfermagem tem várias funções, todas com o propósito de promover a total assistência aos indivíduos e grupos sociais de forma efetiva, em prol da promoção, prevenção, recuperação e reabilitação dos pacientes em todas as etapas do processo.

Trata-se de um dos responsáveis pela garantia de uma assistência individualizada à pessoa. Suas funções podem ser divididas em assistenciais e administrativas. Entenda um pouco mais sobre como funciona cada uma delas a seguir.

Funções assistenciais

Entre as principais funções exercida pelo profissional no âmbito assistencial estão:

  • administração de medicamentos;
  • cuidados com a alimentação;
  • realização de curativos;
  • auxílio às equipes de saúde em imobilização e transporte de vítimas;
  • preparo dos leitos;
  • condução aos exames físicos;
  • medição de pressão arterial;
  • admissão de pacientes;
  • coleta de exames laboratoriais;
  • checagem de informações para ajudar no diagnóstico de alguma enfermidade;
  • checagem da punção venosa;
  • higienização do paciente;
  • monitorização da terapia;
  • fiscalização do paciente pré-hemodiálise, monitorar a terapia e averiguar intercorrências que podem surgir;
  • atuação sistêmica de forma integral ao paciente.

O técnico em enfermagem também contribui para a prevenção e manutenção da saúde dos pacientes de média e alta complexidade.

Funções administrativas

Além das diversas funções assistenciais, o técnico em enfermagem também exerce várias atividades administrativas importantes para o bem-estar dos pacientes e funcionamento adequado do posto de saúde. Veja quais são:

  • apoio da criação da escala de tarefas;
  • ajuda na conservação e controle do ambiente de trabalho;
  • auxílio no controle e uso consciente das vestimentas, materiais e EPI's utilizados pela equipe de enfermagem e multiprofissional de cuidado ao paciente;
  • colaborar para os procedimentos adequados de biossegurança;
  • realizar outras ações de assistência ao paciente e de preservação para o bom andamento das tarefas cotidianas do setor, com exceção àquelas de competência do enfermeiro.

Além das funções já apontadas, é fundamental que esses profissionais estejam atentos e tenham sensibilidade para compreender o estado físico, mental e emocional das pessoas que ali se encontram diante de uma enfermidade. Ainda, deve estar disposto a oferecer toda atenção e conforto ao paciente que, na maioria dos casos, se encontra cansado da rotina dentro de um hospital.

Qual o perfil adequado para quem deseja se tornar um técnico em enfermagem?

Para atuar como técnico em enfermagem é muito importante que o profissional adquira certas habilidades e competências, uma vez que, grande parte do tempo, ele trabalhará em um ambiente de muita tensão. Além disso, vai de lidar com pessoas de diversos perfis, em situações críticas e passando por diversos tipos de problemas. Entre as principais características que se enquadram do perfil ideal estão:

  • facilidade para trabalhar em equipe;
  • ser uma pessoa organizada;
  • ter paciência;
  • ser focado;
  • ter controle das emoções;
  • promover a empatia;
  • ser cordial e respeitoso;
  • ter responsabilidade;
  • proporcionar um trabalho humanizado, entre outros itens essenciais para o sucesso em sua trajetória profissional.

O que é necessário para se tornar um técnico em enfermagem?

Para se tornar um técnico em enfermagem, é preciso que o profissional tenha um diploma obtido por meio da realização de um curso técnico em escola capacitada para oferecê-lo. A formação dura em média dois anos, e conta com aulas teóricas e práticas, por exemplo, primeiros socorros, farmacologia, enfermagem médico-cirúrgica, anatomia, saúde mental e estágio supervisionado.

Uma boa instituição de ensino oferece formação integral aos estudantes, com o objetivo de desenvolver pessoas comprometidas e motivadas. Isso é muito importante para os hospitais e demais unidades de saúde, tendo em vista que oferecer um atendimento diferenciado e de qualidade é uma das principais propostas.

Já o salário encontrado no mercado varia muito e depende da área escolhida, local de trabalho e região, ficando em média de R$ 1.200 a R$ 1.600 reais. Já nos casos dos concursos públicos, esse valor pode chegar em média de R$ 3.000,00 no decorrer da carreira.

Apesar de ser um profissional de nível médio, o técnico em enfermagem é um dos mais populares entre os indivíduos que escolhem a área da saúde para exercer suas atividades profissionais.

Agora que você conhece melhor as principais funções do técnico em enfermagem, caso tenha se interessado pela profissão, aproveite para buscar por uma escola de qualidade, reconhecida no ramo e que seja composta por profissionais capacitados e com conhecimentos sólidos na área da saúde. Assim, você vai poder usufruir de todas as oportunidades que o ramo da enfermagem pode oferecer, além de ser uma ótima chance de se inserir em uma nova carreira de sucesso.

Quer contar com o apoio de uma escola de qualidade para iniciar seu curso? Então, entre em contato com a gente e veja como podemos ajudar!

Comentários

Posts Relacionados